Warning: include_once(wp-includes/images/pin.png): failed to open stream: No such file or directory in /home/japagirl/public_html/blog/index.php on line 2

Warning: include_once(): Failed opening 'wp-includes/images/pin.png' for inclusion (include_path='.:/usr/lib/php:/usr/local/lib/php') in /home/japagirl/public_html/blog/index.php on line 2

Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /home/japagirl/public_html/blog/index.php:2) in /home/japagirl/public_html/blog/wp-content/plugins/instagrate-to-wordpress/instagrate-to-wordpress.php on line 48
TODAY’S SOUND: THE EXPLOITED POR ARTHUR MENDES ROCHA – Japa Girl












































































    Wake up, Mthrfckrs! 
#10yearchallengeHappy Halloween from Vampirina 🖤“The Proposal” ( between 1880 - 1889) by Knut Ekwall (Swedish - 1843 - 1912)Full purple bloom galore!
#flordesaomiguel #violeteira #ravenala #kaizukaPapa Pirate & Mama Mermaid
#agathalunaJust opened! #cattleyaThe Death of Cleópatra 
Jean Andre Rixens - 1874How sundays should be ✨❤️✨About the happiest Easter ever!
Special thanx @marciosleme @milplantas🖤

                
       
















bloglovin



CURRENT MOON

TODAY’S SOUND: THE EXPLOITED POR ARTHUR MENDES ROCHA

‘Punk rock is a serious business” (Punk rock é um negócio sério), assim a banda Exploited define o gênero que os tornou famosos; toda a rebeldia, aquele sentimento de se sentir vivo, de gritar, de se rebelar contra as corporações, esta atitude o grupo leva sério até hoje.

desenho
Surgido no início de 1980, na Escócia, The Exploited acreditou na energia punk desde o começo, adquirindo uma postura politizada, contra as guerras e injustiças sociais.

exploited-foto-1
A banda faz parte da segunda geração do punk inglês, angariando fãs entre os skinheads, por cuja união a banda sempre se preocupou.

exploited-e-skins
Formado por Wattie Buchan (que acabara de servir nas forças armadas inglesas), John Duncan, Gary McCormack e DRU Stix, a banda lança em 1981 do seu primeiro álbum, que já tinha o sugestivo título de “Punk’s not dead” (o punk não está morto).

exploited---foto-wattie
O álbum atingiu o 20º lugar na parada inglesa, além de vender mais de 150 mil cópias e lançar os hits “Sex and violence” e ‘Cop Cars”:

Logo em seguida a banda lançava o EP “Dead Cities”, como vemos abaixo na explosiva apresentação no Top of the Pops:

Esta apresentação foi bastante criticada pelos fãs da banda, pois significava a banda se vender ao sistema. Mesmo com todas as críticas, as vendas do EP saltaram de 20 para 50 mil unidades vendidas.

exploited---foto-2

Era o verão de 1981 e a banda saia na turnê “Apocalypse”, junto com o Discharge, e fazia show em Londres um dia após os conflitos em Brixton e ocasionando um novo renascimento do punk rock na Inglaterra.

EXPLOITED---APOCALYPSE-TOUR

O visual do Exploited sempre foi o punk ao extremo, com o vocalista Buchan desfilando o seu moicano, além das roupas e acessórios característicos do gênero, como os Sex Pistols haviam feito alguns anos antes.

Exploited.-foto-3

Uma das polêmicas da banda foi vender camisetas em seus shows com a suástica, associando-os aos nazistas, mas a banda nega isso, afirmando que seu intuito era chocar e não fazer apologia do nazismo. Outra forte crítica era que a banda incitava a violência em seus shows.

exploited---foto-4

Independente disto tudo e de já ter causado muita confusão como prisão de seus membros e até serem banidos em locais como a Holanda, eles continuam fiéis às suas raízes e se posicionando contra conflitos como a Guerra das Malvinas.

exploited---foto-5

Em 1982, eles lançam o disco que muitos consideram o seu grande clássico: “Troops of Tomorrow”, que atingiu o décimo lugar na parada inglesa e originou sucessos como “UK 82” e “”Fuck the USA”:

Nos anos seguintes, a banda lançou mais discos (que não tiveram tanto sucesso como os primeiros), excursionou por vários países, incluindo o Brasil e também trocaram muitas vezes de integrantes.

exploited---foto-6

Em 1987, no disco “Death before dishonour”, a capa é uma referência direta à Margaret Thatcher (falecida nesta semana) com a ex-primeira ministra desenhada já em decomposição e abraçada na morte segurando uma nota de dez libras.

exploited---capa-death-befo

Se último trabalho foi em 2003, “Fuck the system” com forte influência do metal e também da música eletrônica, o que andou desagradando os fãs mais fiéis ao estilo da banda.

exploited---fotos-diversas

Tendo recentemente completado 30 anos de existência, o Exploited continua na ativa, com a volta dos membros originais e uma prometida turnê para este ano.

EXPLOITED---foto-recente

Sem o Exploited, dificilmente existiria o trash metal de artistas como Metallica, Slayer e Slipknot, além de seu som influenciar grupos como Queens of the Stone age e Nirvana (inclusive Duncan chegou a participar como guitarrista no disco “In Utero”).

exploited-foto-7

   Comentário RSS Pinterest