Warning: include_once(wp-includes/images/pin.png): failed to open stream: No such file or directory in /home/japagirl/public_html/blog/index.php on line 2

Warning: include_once(): Failed opening 'wp-includes/images/pin.png' for inclusion (include_path='.:/usr/lib/php:/usr/local/lib/php') in /home/japagirl/public_html/blog/index.php on line 2

Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /home/japagirl/public_html/blog/index.php:2) in /home/japagirl/public_html/blog/wp-content/plugins/instagrate-to-wordpress/instagrate-to-wordpress.php on line 48
TODAY’S SOUND: X MAL DEUTSCHLAND‏ POR ARTHUR MENDES ROCHA – Japa Girl












































































    Encontrei essa cachorra, com mais de 10 anos, castrada, com uma cirurgia ainda cicatrizando na região torácica, cheia de moscas e pulgas, na pracinha em frente ao colégio Santa Cruz, região de Pinheiros. Muito fraca, está pele e osso. Internei no @citvet por 24 hrs, está inteira, sem anemia, sem infecção, fígado e rins bons! Acredito que fugiu! Por favor me ajudem compartilhando, deve ter um dono procurando por ela. Por hora, colocamos o nome de Angelita. #cachorraperdida #procurasecachorroHoje!!!
#climatestrikeLunatic Magic Beware...🦇 Theophile-Alexandre Steinlen “Chat au Clair de Lune”, c 1900Greve Global pelo clima - São Paulo, 20.9.2019! É de suma importância que todos participem dessa greve global. Acontece que a Amazônia, o Pantanal e o Cerrado, continuam queimando, numa destruição avassaladora, apesar da pressão feita até agora. Além disso, incêndios se espalham por diversos cantos do mundo, como Sibéria, Indonésia e o continente africano. Não podemos relaxar, enquanto mudanças significativas sejam aplicadas de fato.Emocionante! Nunca vi passeata igual, com tanta gente. Acordamos. Graças à Deus e Deusa. Não podemos mais permitir que isso aconteça as Florestas e aos Animais. Fora demônio #forasalles #sosamazoniaPor favor assistam!Gigante pela própria natureza e pela própria ignorância 🇧🇷Precisamos ir para a rua protestar urgente!!! Profundamente abalada com a destruição de lugares sagrados, lugares que sustentam a Vida neste planeta! Todos vão sofrer as consequências desse desmatamento e queimadas! Árvores de 500 anos já eram! Estão encontrando animais queimados, jamais estudados ou conhecidos pelo homem! Estamos sentenciando nossa existência. #prayfortheamazonÉ com profundo pesar, estão cortando uma pequena floresta de no mínimo 70 anos, que cresceu numa casa desocupada. Ainda que haja autorização da PMSP e compensação em outro local, como fica o entorno? Quem irá compensar os morcegos e periquitos que moram nessas árvores?Unforgetable veggie lunch exxxperience!
Thank you so much @saporebrasil @pietroleemann @lideresempreendedores 
Risoto com aspargos verdes e abóbora, contraste de mousse de couve-flor defumada e arroz silvestre crocante.

                
       
















bloglovin



CURRENT MOON

TODAY’S SOUND: X MAL DEUTSCHLAND‏ POR ARTHUR MENDES ROCHA

Warning: sprintf(): Too few arguments in /home/japagirl/public_html/blog/wp-content/plugins/addthis/addthis_social_widget.php on line 1154

O X Mal Deutschland foi uma banda que teve muito destaque nos anos 80, pois além de ser composta somente por mulheres e no início cantarem em alemão, eles conquistaram os góticos ingleses.

xmal---foto-1

A banda surgiu em Hamburgo, na Alemanha, em 1980 e tinha como líder, a vocalista Anja Huwe, com seus cabelos platinados e sua voz poderosa.

xmal---anja-1

Mesmo sem experiência musical, a presença de Anja é a força matriz do X Mal, comparada a Siouxsie e Blondie, ela é pura energia em suas apresentações.

xmal---anja-2

Enquanto a Inglaterra vivia o período pós punk e gótico, na Alemanha havia o ‘Die Geniale Dilletanten” ou o “Neue Deutsch Welle”, um movimento de contestação artística que pregava a quebra de regras e convenções musicais e do qual o X Mal participava.

xmal---foto-2

Completando o line up original da banda havia também: Manuela Rickers (guitarra), Fiona Sangster (teclados), Rita Simon (baixo) e Caro May (bateria) e seu primeiro single, ‘Schwarze Welt”, foi lançado em 1981 pelo pequeno selo alemão ZickZack.

xmal---foto-3

Depois de sua primeira apresentação, a banda deixa de ser só de mulheres com a substituição de Rita por Wolfgang Ellerbrock e lançam o single ‘Incubus Succubus”, um dos clássicos da banda:

O X Mal começou a chamar mesmo a atenção quando abriram um show na Inglaterra para o Cocteau Twins; foi aí que Ivo, o dono da gravadora 4AD, quis assinar com eles, impressionado com sua performance ao vivo.

xmal---foto-4

Aliás, Ivo declarou que na verdade o X Mal nunca conseguiu transportar para o estúdio o som de suas apresentações nos palcos.

Em 1983, elas lançam seu primeiro álbum pela 4AD, “Fetisch”, balanceando a neo-psicodelia com o som mais agressivo de seus EPs e no qual destacavam-se os single “Qual’ e “Orient’:

Agora o X Mal começava a se tornar uma banda conhecida, entrando para os charts ingleses independentes, ‘Fetisch” ficou no terceiro lugar na parada, mesmo cantando na sua língua nativa, o alemão.

XmalDeutschland--capa-.Feti

XmalDeutschland---foto-qual

A banda sai em turnê, e também grava uma session com John Peel, o DJ da BBC que fora conquistado pelo som deles e que depois acabou virando um EP.

Nesta época, ocorre mais uma baixa no X Mal: Manuela deixa a banda e no seu lugar entra mais um homem, Peter Bellendir, sendo que esta última formação foi a que mais teve longa duração.

xmal---foto-5

Em 1984, a banda lança seu segundo álbum pela 4AD, “Tocsin”, um dos hits era “Augen-Blick”, aqui em um vídeo com uma entrevista da banda:

Outro destaque do álbum era “Mondlicht”:

O álbum faz uma mistura de vocais à la Siouxsie e texturas estilo Cocteau, atingindo o 84º lugar na parada independente e uma nova versão para seu antigo hit “Incubus Succubus” desta vez intitulado de “Incubus Succubus II”.

capa-Tocsin

Em 1985, o X Mal lança o EP “Sequenz” que é quase uma regravação da Peel Session.

Este acaba sendo seu último álbum pela 4AD, já que o próximo eles lançariam pelo seu próprio selo, XILE, distribuído pela Phonogram.

xmal---foto-1a

Em 1986, eles abrem o show do The Stranglers em Wembley, Londres e Hugh Cornwell (vocalista do Stranglers) irá produzir seu próximo single.

xmal---foto-6

Em 1987, a banda lança o álbum “Viva”, considerado um de seus trabalhos mais refinados. A faixa que abre o álbum “Matador’, mostra um X Mal mais adulto, com um aproach mais pop, usando influências new wave e muitos sintetizadores:

‘Matador” tocou muito nas pistas nos anos 80, embalado por remixes.

X-Mal-Deutschlan---capa-Viv

“Viva’ também mostrava uma opção da banda por letras cantadas em inglês, como mostra “Sickle Moon”:

Porém, depois do lançamento de ‘Viva”, o X Mal sofre uma debandada geral com mais três integrantes saindo da banda.

Anja e Wolfgang são os dois membros que permanecem e se juntam a novos integrantes para gravar o álbum derradeiro: ‘Devils”, lançado em 1989.

xmal---anja-3

O primeiro single era “Dreamhouse”, mostrando que a voz de Anja estava mais madura, atingindo notas mais altas, porém o som deles estava bem mais comercial:

Apesar disto, o álbum não é um sucesso, além das brigas entre Anja e Wolfgang serem mais constantes sobre os rumos que a banda deveria seguir.

Xmal+Deutschland---foto-7

Em 1990, eles ainda fazem algumas aparições esporádicas, até terminarem de vez com o X Mal Deutschland.

xmal---foto-4

Hoje Anja dedica-se á pintura, onde transpõe para as telas um pouco de sua experiência musical, que pode ser conferido no seu site: anjahuwe.com.

xmal---anja-hoje

   Comentário RSS Pinterest